Jornal O Correio Digital

Jornal O Correio Digital
Assine O Correio Digital

sábado, 24 de agosto de 2019

Estudantes visitam Sambaqui Garopaba do Sul


Nesta sexta-feira (23), 50 estudantes do primeiro ano do ensino médio da Escola de Educação Básica Professora Salete Scotti dos Santos, de Içara, realizaram uma saída de campo no Sambaqui Garopaba do Sul, em Jaguaruna. A visita foi acompanhada pelo Grupep, o Grupo de Pesquisa em Educação Patrimonial e Arqueologia da Unisul.
O Sambaqui Garopaba do Sul trata-se de um sítio ritualístico, com data de quatro mil anos, construído por populações indígenas pescadoras que habitaram o litoral catarinense entre 8 e 2 mil anos atrás. Este sítio destaca-se por ser um dos maiores em dimensão no território brasileiro, alcançado no ponto mais alto cerca de 25 metros de altura.
Entretanto, o sítio já foi muito destruído em tempos passados e ainda hoje sobre com ações depredatórias decorrentes da invasão por motos, carros, além de especulação imobiliária no entorno. Diante desse panorama vê-se a relevância de realizar ações educativas voltadas não somente ao ensino acerca da cultura dos grupos indígenas, assim como para sensibilizar os estudos em prol da preservação destes espaços.

Sabores do Brasil apresenta a típica culinária gaúcha no dia 25/08, domingo


A gastronomia tradicional do Rio Grande do Sul é o tema da próxima edição do Festival Sabores do Brasil, que acontece no dia 25/08 (domingo), nos Restaurantes do Sesc Santa Catarina.

O último domingo do mês é dia de Festival Sabores do Brasil no almoço dos Restaurantes do Sesc Santa Catarina, em 17 Unidades. Na próxima edição, no dia 25 de agosto, o público poderá apreciar a típica culinária gaúcha, uma das mais ricas e diversificadas do Brasil, moldada pelos imigrantes italianos, alemães e portugueses, com influências de espanhóis e africanos, entre outros. Sua cozinha tradicional possui receitas que têm como marca registrada as carnes, o arroz de carreteiro e o sagu de vinho.

No cardápio do dia estão pratos cheios de simplicidade e sabor como: Salada de radiche com bacon e vinagrete; Maionese (Salada de batata); Polenta com ragu de linguiça; Arroz Carreteiro; Costela assada; Fraldinha ao molho de vinho; e Sagu de vinho com creme de baunilha. O valor do quilo do buffet varia de acordo com o local.

Além do cardápio típico, o evento apresenta uma programação cultural diferenciada nos restaurantes do Sesc em Balneário Camboriú, Hotel Sesc Blumenau, Brusque, Concórdia, Florianópolis (Estreito, Prainha e Hotel Sesc Cacupé), Itajaí, Jaraguá do Sul, Joinville, Lages (Coral e Pousada Rural Sesc Lages), Laguna, Palhoça, São Joaquim, Tubarão e Urubici. 

A culinária gaúcha nasceu da miscigenação entre diversas culturas que migraram para o sul do Brasil no passado. E muitas marcas destes povos podem ser encontradas até hoje nas refeições produzidas no estado. “É uma comida saborosa e variada, que mistura o tempero brasileiro, italiano e alemão e cultiva o valor cultural e a nostalgia do campo. A culinária regional adquiriu uma característica diferenciada, ainda mais pelo seu clima frio e seus pratos típicos assumem uma posição especial nesta gastronomia cheia de história e tradição", declara a gerente de Saúde do Sesc-SC, Jéssica da Luz Pereira Pucci.

O Festival Sabores do Brasil celebra as tendências e a influência dos temperos e sabores do mundo na gastronomia brasileira. Nas próximas edições poderão ser apreciados pratos da culinária espanhola (setembro) alemã (outubro) e mexicana (novembro). O público pode degustar deste mosaico cultural e gastronômico – variado, democrático, multicultural e saboroso. 

Mais informações e valores: https://sesc-sc.com.br/site/agenda/sabores-do-brasil 
Sobre os restaurantes: https://www.sesc-sc.com.br/site/servicos/restaurantes-do-sesc

LAGUNA 
- Sesc Laguna: Rua Tenente Bessa, 211, Centro / Fone: (48) 3644.0152

O CORREIO - ED 1533










DPCAMI LAGUNA PRENDE SUSPEITO DA PRÁTICA DE ESTUPRO DE VULNERÁVEL


A Polícia Civil do Estado de Santa Catarina, por intermédio da DPCAMI Laguna e com o apoio da Delegacia da Comarca de Laguna, cumpriu, na tarde desta sexta-feira 23, mandado de Prisão Preventiva em desfavor de F.J.L., 66 anos, por suposta prática de Estupro de Vulnerável (artigo 217-A, caput, do Código Penal).

Segundo consta, o suspeito molestou uma criança de 5 anos de seu círculo familiar, o que só foi comprovado após acurado trabalho investigativo da Polícia Judiciária.

Na conclusão do Inquérito Policial, representou-se por sua Prisão Preventiva, a qual foi deferida judicialmente e efetivamente cumprida nesta data.

O indiciado, que já possui histórico de condenação por crime sexual há alguns anos, foi encaminhado à Unidade Prisional Avançada de Laguna, local em que permanece à disposição do Poder Judiciário local.


sexta-feira, 16 de agosto de 2019

Mauro Candemil e Felipe Estevão

Mauro Candemil publicando nas redes sociais que busca parceiros, juntamente com o deputado estadual Felipe Estevão, solução para resolver o problema do hospital de Laguna.
" Estamos na Assembleia Legislativa, com a Deputada Estadual Ada de Luca e o Deputado Felipe Estevão, convidando-os à juntar esforços em favor de nosso Hospital de Caridade Senhor Bom Jesus dos Passos."


terça-feira, 13 de agosto de 2019

Santa Catarina receberá R$ 2,1 milhões da Defesa Civil Nacional para ações de recuperação

Autorização do repasse foi publicada na edição desta terça-feira (13) do Diário Oficial da União

A Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil (Sedec), do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), autorizou a liberação de R$ 2,1 milhões para ações de recuperação em Santa Catarina. A portaria foi publicada na edição desta terça-feira (13) do Diário Oficial da União.
O estado, atingido por chuvas intensas, utilizará os recursos na contenção de taludes e na reconstrução parcial de uma rodovia.
Para receber auxílio emergencial da Sedec, estados e municípios precisam obter o reconhecimento federal de situação de emergência ou calamidade pública – deferido pelo Governo Federal após a análise do decreto estadual, que deve atender aos critérios exigidos pela Instrução Normativa nº 2/2016. Prefeituras e governos também devem apresentar o diagnóstico dos danos e um plano de trabalho para a execução das ações.


domingo, 11 de agosto de 2019

Espetáculo de dança contemporânea para crianças, do Rio de Janeiro, circula pelo Estado na Rede de Teatros Sesc


Entre os dias 20 e 30 de agosto, o espetáculo terá apresentações gratuitas nos teatros do Sesc em Florianópolis, Laguna, Joinville, Jaraguá do Sul, Itajaí, Lages, Concórdia e Chapecó.

A Rede de Teatros Sesc traz a Santa Catarina o espetáculo “Entrelace”, com a Cia de Dança Teatro Xirê (RJ). Juntos e misturados é a ideia desta proposta de dança contemporânea para crianças. Disposta em banquinhos, a plateia é convidada a assistir ao espetáculo de dentro, que parte sempre de jogos populares tradicionais e parlendas infantis com os bailarinos Andrea Elias, Fagner Santos, Júlia Gil e Tânia Ikeoka. As apresentações gratuitas acontecem de 20 a 30 de agosto, em oito cidades: Florianópolis (20/08), Laguna (21/08), Joinville (23/08), Jaraguá do Sul (24/08), Itajaí (25/08), Lages (27/08), Concórdia (29/08) e Chapecó (30/08).

Diferentemente dos espetáculos convencionais, em "Entrelace" (do verbo entrelaçar; enlaçar-se reciprocamente) o público é cuidadosamente convidado a ocupar o seu lugar. Como sugere o título, os movimentos se desenvolvem numa dinâmica que envolve e enlaça o público, sempre partindo de jogos populares tradicionais e de parlendas infantis. Assim, a plateia é convidada ao encontro com o outro e a perceber, durante a performance, sutis espaços de relação e convivência. Cada momento se desencadeia e enlaça o próximo a partir do movimento crescente e da transformação do momento anterior. Entre uma brincadeira e outra, o público identifica a dança em lugares onde antes havia apenas o jogo e nas passagens dos momentos coreográficos reaviva-se a memória das brincadeiras que fazem parte do repertório de cada um de nós.

O espetáculo, com classificação livre, é indicado para maiores de 5 anos e tem duração de 50 minutos. A agenda completa com datas, horários e locais das apresentações estão disponíveis em: https://www.sesc-sc.com.br/site/agenda/rede-de-teatros-sesc-espetaculo-entrelace

Sobre o projeto Rede de Teatros Sesc:
A Rede de Teatros Sesc realiza a cada mês uma turnê estadual trazendo espetáculos nacionais e filmes que se destacam pela qualidade, pluralidade e inovação artística. Ao longo do ano a Rede promove também outras atividades culturais em cada cidade, para todas as idades, nas áreas de música, literatura, dança, teatro, circo e cinema. A programação acontece nos Teatros Sesc de Chapecó, Concórdia, Lages, Laguna, Itajaí, Joinville, Jaraguá do Sul e Florianópolis e pode ser acompanhada mensalmente pelo site do Sesc.

SERVIÇO:
Espetáculo Entrelace
Dança para criança
Duração: 50 minutos
Classificação etária: livre, indicado para maiores de 5 anos

- 21/08, 20h, no Cine Teatro Mussi Laguna – Rua Eng. Colombo Machado Salles, s/n – Centro – Telefone: (48) 3644.0152. Ingressos gratuitos distribuídos uma hora antes de cada apresentação.



SENTENÇA CONDENATÓRIA RELATIVA A OPERAÇÃO “FIM DA LINHA” RESULTA EM CONDENAÇÃO APROXIMADA DE 170 ANOS de PENA PRIVATIVA DE LIBERDADE


A operação “Fim da Linha”, deflagrada em 19.04.2018 pela Polícia Civil do Estado de Santa Catarina, por intermédio das Delegacias de Polícia de Imaruí e de Imbituba, *com apoio de todas unidades policiais civis da 18° DRP - Laguna (DPCo - Garopaba; DPMu - Paulo Lopes; DIC, DPCAMI e DPCo - Laguna; DPMu - Pescaria Brava; DECOD - Florianópolis; SAER/Sul* e, ainda, com o auxílio da Polícia Militar de Santa Catarina, teve como objetivo desmantelar uma Organização Criminosa especializada na prática do crime de Tráfico de Drogas, com atuação predominante nas cidades de Imaruí, Imbituba e Garopaba.

Ao final do Inquérito Policial, um total de 19(dezenove)
pessoas foram indiciadas e posteriormente denunciadas pelo Ministério Público de Santa Catarina por crimes como formação de organização criminosa, tráfico de drogas, associação para o tráfico, corrupção de menores, posse de arma de fogo e munições, entre outros. Além disso, um adolescente também foi processado em separado por ser um dos líderes da mesma organização criminosa.

Após regular instrução processual, sobreveio sentença por parte do Poder Judiciário da Comarca de Imbituba, datada de 09.08.2019, *condenando 17(dezessete) acusados a penas privativas de liberdade que, somadas, atingem aproximadamente 170 anos*, cabendo salientar que apenas dois acusados foram absolvidos. Salienta-se, por oportuno, que o adolescente envolvido já havia sido condenado à medida socioeducativa de internação pelo Juízo da Comarca de Imaruí.

Além da pena privativa de liberdade, destaca-se que constou na sentença prolatada pelo Juízo Criminal da Comarca de Imbituba a obrigação de pagamento de multas elevadas, além do perdimento de veículos, valores e objetos adquiridos/utilizados pela organização criminosa e/ou provenientes do narcotráfico.

De acordo com o Delegado de Polícia Juliano Baesso, coordenador da operação, a sentença condenatória serviu para demonstrar o brilhante trabalho de Polícia Judiciária desenvolvido conjuntamente pelas equipes de investigação das Delegacias de Polícia de Imbituba e Imaruí, as quais obtiveram êxito na coleta de provas suficientes para possibilitar a mencionada condenação.